domingo, 26 de junho de 2011

O Tio António no Aljube...



Os tios avós maternos (os do ramo Gondomarense) eram republicanos, revolucionários activos.

(exceptuava-se o Tio Padre, monárquico, regenerador como o Bisavô).

O Tio António era mesmo mais: anarquista! Esteve degredado em África (Angola) e várias vezes detido no Aljube.

Nesta foto é o da esquerda.

Também o Tio Alberto esteve no Aljube, mas não há retratos. O Tio Alexandre não foi assim tão perseguido, mas o mais jovem, o Tio José, já durante o Estado Novo, foi aposentado compulsivamente do Supremo Tribunal de Justiça, por razões políticas - é claro! - quando era o mais jovem Conselheiro de sempre.

Numa família politicamente dividida, mas afectuosamente unida, habituamo-nos a respeitar o pluralismo de opiniões! Para mim e tão natural como o ar que se respira...

No meu tempo de infância, os Tios também se dividiam entre os Aliados e o Eixo... (os meus Pais, felizmente, muito pró-britânicos!).

Sem comentários:

Enviar um comentário